Ações do Twitter despencam um dia depois do Facebook

Assim como ocorreu recentemente com o Facebook, agora foi a vez do Twitter ver suas ações e economia caírem feito água, embora o Twitter seja uma rede social gigantesca, e uma das poderosas, ela não tem o lucro e o valor de mercado que tem o Facebook, e a mesma acaba tendo um valor de 4 vezes menos ao do Facebook, no entanto isso não tira seu prestígio e importância no século da informação. Por sua vez, seus papéis de ações caíram em torno de 20,5% na Nasdaq, que é a Bolsa de Valores de Nova York.

Os resultados de perda do Twitter são preocupantes em vista de que a rede social acumula apenas 335 milhões de usuários, enquanto durante o mesmo período do ano passado o número chegava a 336 milhões de registros no site, dessa forma os investidos têm-se preocupado com a contínua perda de assinantes da rede. Embora tenha caído e não aumentado o número de usuários, o lucro da empresa teve um forte crescimento, principalmente com a grande publicidade gerada durante a Copa do Mundo da Rússia 2018, o que promoveu um aumento de 30 milhões de dólares aos cofres da empresa.

O que tem gerado essa grande perda de usuários da rede social tem sido a nova política de uso ao site, em quem deletado e proibido a propagação de contas de participantes que têm propagado contínuas fake news, que são notícias falsas, e isso tem sido motivo de muita polêmica entre os usuários das redes, já que a circulação de informação e notícia é tanta que não há um filtro perfeito para localizar o que é verdade e o que não passa de mentira. Por sua vez, muitas cotas tem sido deletadas de forma justa, porém há casos em que internautas tiveram seus logins bloqueados erroneamente.

Portanto, é importante que o Twitter esteja com um sistema de segurança qualificado para que possa realmente manter os perfis legítimos, e não acabem culpando quem não merece, já que assim estariam perdendo um público fiel sem motivos, porque pelo contrário o Twitter futuramente verá suas ações despencarem novamente, assim como tem ocorrido com o gigantesco Facebook.