Grupo RBS de Eduardo Sirotsky Melzer comemora os bons resultados da nova estratégia da empresa

O dia 10 de maio foi movimentado para o Grupo RBS – presidido, atualmente, por Eduardo Sirotsky Melzer. O motivo? O sucesso da nova estratégia da empresa que, basicamente, trata-se de conectar marcas e consumidor. O acontecimento reuniu, à noite, no centro de eventos do BarraShoppingSul, em Porto Alegre, cerca de 400 convidados, entre profissionais do mercado de comunicação, clientes, comunicadores e colaboradores – e teve até show especial da cantora Preta Gil.

A festa foi realizada depois da Convenção de Vendas da companhia – que, durante a tarde, também não deixou a desejar e teve o humorista Marcelo Adnet como mestre de cerimônias – foram apresentados os resultados positivos do primeiro mês de atuação integrada das áreas de Mercado e Marketing, as expectativas para o futuro e o Plano de Incentivo para a equipe de vendas.

Sobre a Convenção de Vendas do Grupo RBS, de Eduardo Sirotsky Melzer

A crença no futuro, que passa pelo reforço das marcas, da qualidade dos comunicadores da empresa e do relacionamento cada vez mais próximo com o mercado, segundo Eduardo Sirotsky Melzer, é o que simboliza o momento celebrado no dia 10 de maio.

Engajamento

Os investimentos em interação do Grupo de Comunicação de Eduardo Sirotsky Melzer com o público não têm sido poucos e têm apresentado dados bastante positivos. No último dia 23 de março, por exemplo, a empresa lançou o aplicativo chamado “Pelas Ruas”, criado com o objetivo de facilitar que a população da Grande Porto Alegre faça suas reclamações a respeito dos problemas da cidade. A iniciativa é uma parceria entre as marcas da Rede – RBS TV, Zero Hora e Rádio Gaúcha.

O programa da Rádio Atlântida “Pretinho Básico” é outro exemplo de esforço em engajamento – são quase um milhão de seguidores no Facebook, com alcance que supera cinco milhões de usuários, e mais de 400 mil seguidores no Instagram. Recentemente, o Pretinho ganhou da Apple o título de um dos melhores Podcast do país – ele foi o terceiro mais baixado do Brasil em 2016.

Quem, no entanto, terminou 2016 como campeã de engajamento, de acordo com uma média realizada pelo índice Torabit, que contabiliza as interações nos perfis de grandes jornais do país no Facebook, Instagram e Twitter, foi o Zero Hora. O Facebook contabilizou em 2016 cerca de dois milhões de fãs – o que significa um aumento de 16,5% em relação aos dados do ano anterior. No Twitter, foram 55,4% de seguidores a mais em relação a 2015.

Contudo, o engajamento recorde da marca foi mesmo no Instagram – mais de três milhões de curtidas em fotos postadas na conta do jornal ao longo de 2016. As mídias sociais trouxeram 25% do público de todo o site da ZH em 2016, totalizando mais de 70 milhões de visualizações.

A Zero hora ainda foi agraciada no Global Media Awards da International News Media Association (INMA) com o prêmio de Melhor Uso de Redes Sociais para o jornal, entregue durante uma cerimônia em Nova York, nos Estados Unidos, no último dia 23 de maio. O veículo da empresa de comunicação de Eduardo Sirotsky Melzer também foi reconhecido como “destaque da América Latina“.