Alternativas para quem está desempregado

A ideia de ficar desempregado e sem uma renda fixa assusta muita gente, ainda mais em tempos de crise onde as perspectivas para retornar ao mercado de trabalho diminuem por causa da concorrência. Algumas pessoas optam por estudar, outras por abrirem o próprio negócio e algumas a mudarem de carreira. Não existe uma formula perfeita, mas existe alternativas para driblar a crise, o desemprego e até encontrar satisfação profissional.

 

Para quem deseja voltar para o mercado de trabalho deve se atentar as dicas do que fazer para se destacar:

 

Estudar: Se você está satisfeito com seu ramo de atuação pode pensar em se especializar para se destacar dos demais concorrentes. Além de se especializar é importante estar sempre por dentro das novidades e a frente para ingressar no mercado de trabalho. Porém para os que ainda não encontraram ou estão insatisfeitos com a área em que atuam, podem procurar se formar em algo que de fato deseja. Estudar irá diferencia-lo em conhecimento, mas deve ser analisada a importância desse investimento e se ele irá ter retorno. Não adianta se comprometer com algo que não gosta e que não irá usar.

 

Carreira: Mudar de carreira pode ajudar se você não está satisfeito com o trabalho que vem desenvolvendo. Para isso você precisará estudar e se comprometer de começar algo do zero. Avalie como está o desenvolvimento econômico do setor que deseja trabalhar para não ficar sem trabalho também nesse ramo.

 

Oportunidades: Fique atento as oportunidades das empresas que você visa trabalhar e não tenha vergonha de pedir ajuda ou recomendações de amigos, parentes e conhecidos. Contar com carta de recomendação também pode auxiliar na decisão do contratante.

 

Muitos empreendedores surgem do momento de crise, sendo uma solução e até descobrimento pessoal para sobreviver e emergir financeiramente. Se você deseja realizar o sonho do próprio negócio não deixe de ver o que fazer para entrar nesse ramo:

 

Estudar: Assim como para quem deseja retornar ao mercado de trabalho, quem quer ser empreendedor tem que estudar e desenvolver estratégias que facilitem solucionar problemas. Além disso é preciso estudar o mercado que deseja atuar, qual a melhor forma de atuação e estar por dentro de novidades relacionadas ao setor.

 

Planejar: Tanto para traçar metas, quanto para o amadurecimento da empresa é preciso fazer um planejamento. As ideias iniciais devem girar em torno de um ramo que você possua certo conhecimento e que tenha prazer em fazer, pois isso irá facilitar o desenvolvimento do negócio. Após decidido o ramo de atuação é preciso pesquisar inovações para que seu negócio tenha destaque no mercado.

 

Decidir se será físico ou não: Dentro os diferentes setores do mercado, existem negócios físicos e não físicos. A decisão deverá ser levada em conta com o produto que será comercializado, como por exemplo: produtos perecíveis ou que precisam de uma fabricação física irão necessitar de um espaço físico e infoprodutos ou propriedades intelectuais podem ser trabalhados sem um espaço físico.

 

Existem ainda outras ideias que podem auxiliar como rendas extras e até fixas como:

 

Vender produtos usados – além de proporcionar limpeza ajuda na obtenção de dinheiro rápido.

Dar aulas – o que pode ser prazeroso para quem tem um conhecimento especifico sobre algo que poderá ajudar outras pessoas.

Prestar serviços de assistente virtual – algumas empresas terceirizam esse tipo de serviço e algumas pessoas solicitam uma assistência para agendar e organizar serviços burocráticos.

Redator – pessoas com habilidade em escrita podem se aventurar pelo mercado da escrita produzindo conteúdos para plataformas online.

 

Veja mais dicas do que fazer para ganhar dinheiro.